Histórico da Assembleia de Deus em Santa Luzia-MA

Em 1965, assume o pastorado da igreja o Pr. José Gomes da Silva, homem corajoso que não se deixava abater por dificuldades. Enfrentou as adversidades de uma igreja pequena em uma jovem cidade. Contudo, anunciou o evangelho com ousadia, trabalhou com afinco na organização da igreja, como prova organizou-se o primeiro Círculo de Oração, tendo como dirigente a irmã Raimunda; A Parte musical com apoio do ir. Salviano Sobrinho com o seu acordeão; O pastor José Gomes da Silva adquiriu dois terrenos: um ao lado do templo sede, onde reformou e ampliou o templo e o outro na atual Av. Newton Bello, onde foi construída de taipa a primeira casa pastoral, atual Cong. Gênesis. A igreja prosperou na graça e na sã doutrina.

No ano de 1973 a igreja esteve sob os cuidados do Pr. Benedito Chagas. Sendo logo no ano seguinte dirigida pelo Pr. Francisco Alves de Melo, homem simples de voz embargada, mas que prestou um grande trabalho na obra de Deus nesta cidade. Foi sob seus cuidados que a igreja deu inicio as grandes cruzadas evangelísticas dentre elas destacamos “Cristo é a resposta”, onde Deus se manifestou com muito poder e pessoas foram libertas, batizadas com o Espirito Santo e aceitaram a Cristo como Senhor de suas vidas. À medida que o município crescia a igreja também se desenvolvia. Com isso foi necessário à construção da segunda sede, com ajuda do Círculo de Oração dirigido pela ir. Gertrudes Vieira Lima. Conta ir. Onésia Campos, que após a demolição e terraplanagem da casa pastoral, as irmãs do Círculo de Oração iniciaram uma campanha de oração todas as manhãs, no local onde se havia de erguer o templo. Fato este, que chamou a atenção de alguns homens que trabalhavam na abertura da estrada, que a cada inicio de semana retornava de São Luís e as paredes do templo iam subindo e eles só viam as irmãs orando. Certa vez eles pararam o carro e perguntaram “É Jesus que está construindo aqui?”. Isso porque, na passagem deles, só estavam presentes o circulo de oração. Na verdade os homens só trabalhavam em mutirão aos finais de semana, com ajuda das irmãs que conduziam tijolos na cabeça desde a olaria até o local da construção. Duas casas pastorais foram erguidas, frente de tijolos e restantes de taipa, uma ao lado da antiga sede e outra ao lado da nova sede, uma vez que a igreja já contava com dois pastores Francisco Alves de Melo e Raimundo Mota (Có-pastor). Foi Durante o ministério do Pr. Francisco Alves que se formou o primeiro conjunto eletrônico com os irmãos José Salviano e Enéas; O coral Harmonia Celeste com o maestro Ezequias Ribeiro de Sousa. Sob a visão ministerial de um homem de Deus e seus fieis colaboradores na obra o trabalho se expandiu até ao Brejo dos Caboclos e esta igreja já despontava como uma das grandes no Estado do Maranhão.

Em 1980 assume o pastorado da igreja Raimundo Ferreira de Mesquita. Este transformou o antigo templo da Rua 26 de março em casa pastoral; Fundou a primeira banda musical da igreja, Rosa de Saron. Como cooperadora no circulo de oração a ir. Edite Rodrigues.

Tenha você também a sua rádio